Digite no mínimo 3 caracteres!
Bombeiros

Catarinense que morreu após ser levado por enxurrada no RS mandou áudio de despedida à família

Carlos Wolfart estava no estado vizinho para ser padrinho em um casamaento

Por: João Victor Araujo
10/05/2024 10h56 - Atualizado há 2 semanas
 Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação
Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

O catarinense Carlos Wolfart, natural de Itapiranga, no Oeste catarinense, foi mais uma das vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul, após ir ao estado vizinho para um casamento, do cunhado, onde seria padrinho. 

✅ CLIQUE AQUI E RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS EM PRIMEIRA MÃO NO WHATSAPP

Conforme a irmã, Milena Wolfart, Carlos ainda teria mandando um áudio para a esposa enquanto aguardava resgate agarrada a uma árvore.

“Ele ainda falou no último áudio que ele deixou ‘só por Deus, só por Deus’, e pediu para a filha dele cuidar bem da mãe”, declarou.

A vítima estava desaparecida há oito dias na cidade de Sinimbu. O Corpo dele foi encontrado na tarde de quarta-feira (08).

Carlos teria ficado ilhado após sair do sítio onde estava, com a esposa e os dois filhos, para verificar se havia passagem na região. Porém, se deparou com muita água no caminho, e chegou a subir em uma árvore antes de ser levado pela correnteza.

O noivo conseguiu o apoio de alguns amigos com motos aquáticas para chegar até a vítima, mas o salvamento não foi possível, contou a irmã.

"Eles chegaram em torno de 25 a 30 minutos mais tarde, e a árvore já tinha ido embora, a que ele [Carlos] estava em cima", diz.

A esposa e os filhos da vítima ficaram ilhados no sítio onde estavam e precisaram ser resgatados de helicóptero. Carlos foi sepultado sem velório, segundo a irmã. 

Fonte: g1.com

Quer mandar uma sugestão de pauta para a equipe de jornalismo do Canal Ideal? Descreva tudo e mande suas fotos e vídeos pelo WhatsApp, clicando AQUI.

Este site usa cookies para melhorar e personalizar sua experiência com nossos conteúdos e anúncios. Ao navegar pelo site, você autoriza o Canal Ideal a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas, acesse nossa Política de privacidade.